sábado, 8 de setembro de 2018

[Primeiras Impressões] Legados de Lyræh



Autor: Willer Jones

Páginas: 174


A HISTÓRIA

Numa realidade totalmente distinta, um jovem se vê responsável pelo maior dos acontecimentos da história de um planeta que jamais conhecera. Porém, mal sabe que se encontra no meio de um jogo de interesses que vai além da sua própria imaginação... Não confie somente nos caminhos; e se a chave estiver em sua própria intuição?

PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Eu amo ficção cientifica e fiquei muito animada quando comecei a ler a degustação de Legados de Lyræh, principalmente pela capa, né gente? Sério, está muito linda e o ilustrador está de parabéns!

Resumidamente, pois não quero dar nem o mínimo de spoiler, as primeiras páginas do livro gira em torno de um baú antigo que o avô de um dos personagens deixa de herança, mas ele não tem a chave. Então, ele e seu amigo tentam desvendar os mistérios que seu avô deixou para conseguir abrir e descobrir o que há de tão importante lá dentro. Quando eles finalmente conseguem abrir o baú, algo muito inesperado acontece.

É isso gente... a degustação acaba exatamente nesse ponto. Vocês tem noção do quanto eu fiquei em cólicas para saber o que ia acontecer em seguida? Eu sou o ser mais curioso da face da Terra... estou morrendo!!!! Isso só se dá, porque o livro já começa completamente instigante, do prefácio até a última linha da degustação.

Eu acho que a trama vai ser bem misteriosa e vai envolver algo político no meio, com uma mistura à coisas cientificas e "sobrenaturais", como estrelas, extraterrenos (puro palpite) e etc. Já está bem claro que a astronomia e astrofísica estão envolvidas, o que me anima ainda mais.

As expectativas são altas, tanto com a história, quanto com a escrita. Estou super ansiosa para continuar a leitura e espero fazer isso em breve.

Para quem quiser saber mais sobre o livro e o autor, vou deixar aqui as redes sociais dele e o link para compra na Amazon.

Twitter | Facebook | Instagram | Amazon

Beijos! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário